Tag Archives: matemática

Matemático

TirinhaCalvinMatemáticaNão me agrada a matemática. Admirava o número 5, mas preferências subjetivas não têm espaço neste conjunto. Dizia que era meu algarismo predileto, representante da melhor idade que se pode ter enquanto vivo, do número de dedos das mãos, do andar do meu prédio. O ícone máximo dos ímpares, patrono daqueles que se quedarão eternamente sozinhos, haja o que houver.

Nunca me agradou a matemática. Amava somar, detestava subtrair; multiplicava com empolgação, dividia com apreensão. Deixe-me fazer isso! Não pode, menino. Onde já se viu, só quer juntar as coisas, nunca separá-las. Qual o mal disso, oras? Dizem que eu era apto ao exagero, tinha afeição pelas potências e curvas exponenciais. Que transborde! Saia do gráfico, transcorra a função, escorregue pela matriz. Estudam tanto, mas não acham a fórmula que me deixaria feliz…

Não cultuarei a matemática. Sou humano, não número. Sou todo, não fracionado. Sou mais, nunca menos. Contenho e estou contido, pertenço e me pertencem, sou parte e sou todo. E minha raiz, por mais que calculem, estará para sempre embutida no rol de mistérios do nosso universo. Não há cálculo que fará possível me entender.

Na somatória dos anos, derivam-se frações. Fracionados estão, a bem da verdade, nossos corações, implorando soluções e colecionando, juntando, amontoando, somando, multiplicando, apenas, apesar de todas as operações, desilusões. Resposta não encontrada.